MENU

Diabetes, frutose e consumo de frutas

TERÇA-FEIRA
02 SETEMBRO
Você sabia?
As frutas contêm o açúcar natural chamado frutose, que não é prejudicial ao diabético desde que consuma em quantidades adequadas e com moderação. 
É importante ressaltar que algumas frutas possuem mais frutose que outras (uva,abacaxi, melancia), o que não indica que seu consumo deve ser proibido e sim controlado.
O diabético deve evitar alimentos de alto índice glicêmico, ou seja, alimentos que tem potencial de elevar rapidamente a glicemia sanguínea. 
Dentre os alimentos com alto índice glicêmico estão: tapioca, cuscuz, pão branco, farinha de mandioca, mel e etc

Meninas de 11 a 13 anos devem receber segunda dose da vacina HPV

TERÇA-FEIRA
02 SETEMBRO
Meninas de 11 a 13 anos que já receberam a primeira dose da vacina contra o papiloma vírus humano (HPV) devem receber a segunda dose, . A imunização será feita em escolas públicas e particulares e também em unidades de saúde.
De acordo com o Ministério da Saúde, mais de 4,3 milhões de meninas nessa faixa etária já receberam a primeira dose em março deste ano. A segunda é essencial para garantir a proteção contra o HPV.
A vacina protege contra quatro subtipos do HPV (6, 11, 16 e 18). Os subtipos 16 e 18 são responsáveis por 70% dos casos de câncer de colo de útero, enquanto os subtipos 6 e 11 respondem por 90% das verrugas anogenitais.
Meninas que ainda não tomaram a primeira dose também podem procurar os postos de saúde. Para receber a segunda, basta apresentar o cartão de vacinação ou documento de identificação. A terceira dose será aplicada cinco anos após a primeira.
Em 2015, a vacina será oferecida para meninas de 9 a 11 anos e, em 2016, para meninas de 9 anos. O ministério reforçou a importância do uso do preservativo como proteção contra as demais doenças sexualmente transmissíveis e da realização do exame conhecido como papanicolau em mulheres a partir dos 25 anos.
O HPV é um vírus transmitido pelo contato direto com a pele ou mucosas infectadas por meio de relação sexual. Ele também pode ser transmitido da mãe para o filho no momento do parto. Estimativas da Organização Mundial da Saúde indicam que 290 milhões de mulheres em todo o mundo estão infectadas, sendo 32% delas pelos subtipos 16 e 18.
Em relação ao câncer de colo de útero, estudos apontam que 270 mil mulheres no mundo vivem com a doença. No Brasil, o Instituto Nacional do Câncer estima o surgimento de 15 mil novos casos este ano. (Fonte: Agência Brasil)

BB reduz juros para financiamentos de veículos

TERÇA-FEIRA
02 SETEMBRO
Já de olho nas vendas para o fim de ano.
O Banco do Brasil passou a oferecer taxas promocionais a partir de 0,97% ao mês para financiar veículos novos e 1,18% ao mês para veículos usados, com prazo de até 60 meses.
A linha de crédito está disponível aos correntistas nas agências do Banco do Brasil. A contratação está sujeita à aprovação de crédito.
O financiamento, que é de até 100% do valor do veículo, tem até 180 dias de carência. O cliente poderá escolher até dois meses por ano sem cobrança da prestação mensal, e não há cobrança de tarifas na operação.
As taxas variam conforme o nível de relacionamento do cliente com o BB e as características da operação (percentual de entrada, prazo e ano de fabricação do veículo).

Professores não se interessam por sala de aula, revela estudo. Entenda as razões.

TERÇA-FEIRA
02 SETEMBRO
Apesar de haver escolas sem professores no Brasil, o número de licenciados seria suficiente para atender à demanda atual por docentes. 
É o que revela a pesquisa inédita do professor José Marcelino de Rezende Pinto, da Universidade de São Paulo (USP). Faltam, portanto, profissionais interessados em seguir carreira dentro da sala de aula.
O estudo aponta para a necessidade de tornar a profissão mais atrativa e de incentivar a permanência estudantil na área. Isso porque o número total de vagas na graduação é três vezes maior que a demanda por professores estimada nas disciplinas da educação básica.
Em todas as áreas, só as vagas de graduação nas universidades públicas já seriam suficientes para atender à demanda.
Para realizar a pesquisa, o autor cruzou a demanda atual por profissionais na educação básica com o número de formados nas diferentes disciplinas curriculares .
Assim, apenas em Física é possível afirmar de fato que o número de formandos não é suficiente para suprir a necessidade.
Segundo Marcelino, os titulados preferem ir para outras áreas a seguir a docência. "A grande atratividade de uma carreira é o salário. Mas, além da remuneração, o professor tem um grau de desgaste no exercício profissional muito grande. E isso espanta", afirma o pesquisador, que é da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras da USP de Ribeirão Preto.
Os cursos de formação de professores têm evasão maior que 30%, acima da média registrada por outras graduações. "Em vez de financiar novas vagas, muitas vezes em modalidade a distância sem qualidade, precisamos investir para que o aluno entre e conclua."
Dados recentes mostram que há um déficit nas escolas brasileiras de 170 mil professores apenas nas áreas de Matemática, Física e Química. Só na rede estadual de São Paulo, 21% dos cargos necessários estavam vagos no ano passado.
A maior lacuna era em Matemática e Português, esse último com falta de 7,1 mil docentes - o governo do Estado afirma que os alunos não ficam sem aula, mesmo que acompanhados por professores de outras formações.
Em Língua Portuguesa, a pesquisa revela um dos maiores abismos. O número de concluintes é quase três vezes maior que a demanda calculada, em torno de 131 mil.
Só três disciplinas aparecem com razão negativa entre concluintes e demanda: Ciências, Língua Estrangeira e a já citada Física (veja o infográfico ao lado).
Nas duas primeiras, os dados não refletem algumas condições: a área de Língua Estrangeira é atendida por formados em Letras, que tem alto índice de estudantes, e muitos professores de Ciências têm formação em Biologia - que tem a maior proporção de concluintes.
O salário de um professor é, em média, 40% menor que o de um profissional de formação superior. Foi essa diferença de renda que fez Simone Ricobom, de 40 anos, deixar a docência em 1998 - após cinco anos na área - para trabalhar na Previdência Social.
"Havia o pensamento de que o professor tinha de ser um pouco mãe e eu queria ser profissional. Também percebi que não havia projeção na carreira." Ela voltou a atuar na educação infantil entre 2008 e 2012, dessa vez na rede particular, mas se decepcionou novamente.
O coordenador da Campanha Nacional pelo Direito à Educação, Daniel Cara, diz que o resultado da pesquisa desconstrói um falso consenso sobre um "apagão".
"Os dados reforçam que a principal agenda na questão docente é a da valorização", diz. "Valorização é garantia de boa formação inicial e continuada, salário inicial atraente, política de carreira motivadora e boas condições de trabalho". (Fonte: estadão.com)
DO BLOG - Nada complicado, portanto. É só os governos seguirem a receita. Recursos, todos sabemos, existem.

UFRN lança concurso para professor adjunto

SEGUNDA-FEIRA
01 SETEMBRO
A Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) abre inscrições para concurso público destinado aos cargos de professor adjunto e assistente do ensino básico, técnico, tecnológico e superior.  
São 23 vagas para professor do magistério superior e 1 vaga para professor do ensino Básico, Técnico e Tecnológico.
As inscrições poderão ser feitas, exclusivamente, via internet, a partir do dia 15 de setembro até às 23h59 do dia 15 de outubro de 2014, pelo Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas (SIGAA) no endereço eletrônico: www.sigrh.ufrn.br. O investimento varia de R$ 60 a R$ 220, de acordo com o cargo.
Os aprovados vão atuar na Faculdade de Ciências da Saúde do Trairi (FACISA)  ou no Instituto Metrópole Digital, localizados nos campi de Santa Cruz e Natal, respectivamente. A remuneração está entre R$ 2.581,24 e R$ 8.717,64, conforme a função exercida e jornada de trabalho, que pode ser de 20 horas semanais  e/ou com Dedicação Exclusiva.

Secretaria de Turismo negocia novos voos da TAM para o RN

SEGUNDA-FEIRA
01 SETEMBRO
A Secretária estadual de Turismo, Gina Robinson, esteve reunida na manhã desta segunda-feira (1) com gerentes da companhia aérea TAM para negociar novos voos para o Rio Grande do Norte. Em razão da necessidade de concessões tributárias por parte do Governo do Estado, a reunião aconteceu na Secretaria de Estado da Tributação, com presença do secretário José Airton da Silva.
“Negociamos com a TAM a possibilidade de novos voos para o Aeroporto Internacional Aluízio Alves. A Companhia ouviu as concessões possíveis dadas pelo governo do estado e dentro de 15 a 20 dias eles apresentarão um estudo de viabilidade para análise do governo”. 
Gina ressalta ainda que o mais importante, nesse estudo, é que o governo mantenha sua arrecadação.

Leitor responde: por onde anda Norma?

SETEMBRO
01 AGOSTO
Em São José de Mipibu, o mês de setembro começa com os funcionários da Prefeitura recebendo somente na terça-feira os salários do mês de agosto. Na região, quase todos os municípios já pagaram a seus funcionários, desde a sexta-feira passada.
Até Rosalba Ciarline, a governadora mais mal avaliada do Brasil, já pagou agosto ao funcionalismo.
Os paladinos da ética, aqueles que reclamavam até do mau tempo, nos tempos da então prefeita Norma, estão caladinhos da silva, todos sabendo a razão do silêncio deles.
Mas eis que, mesmo recordando que nos tempos da então prefeita Norma os salários não atrasavam, ao contrário eram até antecipados em muitos meses, alguém andou reclamando que Norma anda sumida na atual campanha eleitoral.
A ex-prefeita tem feito visitas domiciliares, bem a seu estilo. Norma não precisa fazer estardalhaço. Ela é oposição hoje e se porta como tal.
A ex-prefeita pôs carro de som nas ruas, anunciando seu voto: Robinson Faria, Fátima Bezerra, Fábio Faria e Disson Lisboa. 
Um leitor, Carlos Eduardo Caleo, ouvindo a pergunta "por onde anda Norma", respondeu, certeiro:

"Deve está pouco preocupada. Sempre foi fiel a Robinson Faria. Diferente de muitos que se agarram a políticos visando um cargo. A primeira mulher que realmente ama e sempre tratou São José de Mipibu com amor e muito carinho. Já o PMDB e os DEMOCRATAS, só afundaram nosso município". 

Flores para setembro e todos nós

SEGUNDA-FEIRA
01 SETEMBRO
Setembro chegou. Para ele e todos nós, flores maravilhosas e este pensamento, enviado pela amiga Francisquinha:

“Poucas coisas no mundo são mais poderosas que um impulso positivo: Um sorriso. Um mundo de otimismo e esperança, um 'você consegue' quando as coisas estão difíceis.”

Robinson, Fábio Dantas e Fátima Bezerra voltam ao Agreste em grandes movimentações

SEGUNDA-FEIRA
01 SETEMBRO
Ruas lotadas, população animada e apoio aos candidatos da coligação Liderados pelo Povo. Foi assim no domingo nos quatro municípios do Agreste por onde passou a Caravana da Liberdade com os candidatos Robinson Faria (Governo) e Fátima Bezerra (Senado). 
A caravana percorreu em carreata os municípios de Jundiá, Espírito Santo, Várzea e Santo Antônio do Salto da Onça, ao lado da futura Senadora, deputado federal Fábio Faria, deputado estadual José Dias, de lideranças políticas e demais candidatos da coligação.
A movimentação teve início no município de Jundiá com a presença do ex-prefeito doutor Thiago e do atual vice-prefeito José Arnor. Em seguida passou pelas ruas de Espírito Santo e Várzea, com o prefeito Getúlio, e finalizou com um grande comício em Santo Antônio do Salto da Onça.
“É com muita satisfação que percorro o Agreste, onde me sinto em casa. Serei o governador desta região, mas também de todo o Rio Grande do Norte. Mas para isso preciso do apoio, da confiança, do voto de vocês mais uma vez”, conclamou. 
"Eu nunca fugi da luta e não será agora que vou me acovardar. E é esse apoio, esse carinho de vocês que me ajudam na caminhada. Por isso, tenho certeza de que serei eleito governador”, afirmou.
Zona leste de Natal
Na manhã de domingo, Robinson Faria e Fátima Bezerra também percorreu as ruas de Petrópolis, Rocas e Brasília Teimosa seguindo até a Praia do Meio, com a Caravana da Zona Leste.
Confira fotos da programação:








Quase metade do eleitorado não está nem aí para o horário eleitoral


SEGUNDA-FEIRA
01 SETEMBRO
Muita encenação, pasteurização, palhaçada, nada sério...
Foco dos maiores gastos das campanhas, palanque disputado a tapa pelos partidos, esperança dos que estão atrás nas pesquisas, o horário eleitoral gratuito tem despertado o interesse de uma parcela pequena da população. 
Praticamente metade do eleitorado (46%) afirma não ter nenhum interesse pelos programas. Outros 33% dizem que têm um pouco de interesse. Muito interessados mesmo, só 20%. Os dados são da pesquisa Datafolha realizada nos dias 28 e 29 em todo o país.
A pesquisa mostra ainda que a propaganda de TV pode não ser um bom instrumento para tentar sensibilizar o eleitor hoje indeciso ou disposto a votar nulo ou em banco.
Entre os que não sabem em quem votar, 60% não manifestam interesse algum pelo horário eleitoral. No grupo dos que optam pelo voto nulo ou em branco, a taxa é de 84%. 
O Datafolha também perguntou aos eleitores se eles julgam o horário eleitoral gratuito importante na decisão do voto. 
Para 34%, é muito importante. Para 29%, um pouco importante. O maior grupo, 36%, respondeu nada importante.
Ou seja, serve para pouca coisa.
Uma coisa é certa: o eleitor está cada vez mais descrente com a política. 

Lulu Santos - Um certo alguém

Frejat - Pra Toda Vida

Simony - Nem o sol nem o mar

Pesquisa revela que pessoas neuróticas são as que mais postam fotos no facebook

DOMINGO
31 AGOSTO
Será?
Um estudo da Universidade de Wolverhampton, na Inglaterra, analisou o comportamento de usuários do Facebook e concluiu que pessoas neuróticas postam mais fotos na rede social. 
Esse comportamento, segundo os pesquisadores, seria uma forma de compensar a falta de habilidades sociais e dificuldades de relacionamento. É como se a postagem intensiva funcionasse como uma ‘válvula de escape’ emocional.
Os resultados da pesquisa foram publicados na edição de agosto da Revista Computers in Human Behavior
A análise teve como base a personalidade de pessoas com idades entre 17 e 55 anos – sendo a maioria mulheres – e como se comportavam na rede social.
Os pesquisadores definiram como neuróticas “pessoas que têm uma natureza temperamental e são suscetíveis a estresse e ansiedade”. O estudo mostrou que além dos neuróticos, os extrovertidos também postam mais imagens no Facebook. 
O que difere nos dois perfis é que, enquanto os extrovertidos enviam imagens para trocar a foto de capa do perfil, os neuróticos tendem a publicar um número maior de fotos por álbum, exibindo situações cotidianas.
Azar Eftekhar, autora do estudo, aponta que o comportamento pode indicar uma necessidade de compensar deficiências em outras habilidades. “Pessoas ansiosas ou neuróticas precisam de aprovação, mas não são boas comunicadoras e não têm habilidades sociais”, lembra a especialista. “Os resultados sugerem que elas buscam aceitação por meio de postagens intensivas, para parecerem mais populares ou atrativas, e se mostrarem atualizadas ”, acrescenta. (Fonte: JH On Line)

Minutos que podem mudar uma vida...para pior

DOMINGO
31 AGOSTO
"Nada do que foi será do jeito que já foi um dia". Cada minuto vivido é único. E temos que ter cuidado com os minutos. Um minuto vivido impensadamente pode vir a ter consequências graves. 
Que o diga esta jovem, flagrada pela TV chamando o goleiro do Santos, Aranha, de macaco.
No estádio, paramentada com as vestes do seu time - que nenhuma culpa tem por seus gestos racistas - ela displicentemente, no calor da emoção, solta a palavra fatídica e o gesto mais fatídico ainda, chamando o jogador de macaco, embora os macacos não sejam assim algo tão ruim que agridam tanto só com a nomenclatura. Mas no mundo moderno, chamar de macaco é discriminar racistamente.
Pois bem, a mocinha, depois manifestar seu racismo achando que estava protegida pelo anonimato da arquibancada, captada em close na TV está tendo sua vida destroçada. 
O minuto vivido impensadamente lhe custará talvez uma vida. Perdeu o emprego, passou a ser alvo de agressões verbais, de sexismo, de ameaças diversas nas redes sociais. Vai demorar para se recuperar do minuto fatal.
Agosto também não foi nada bom para a mocinha.